100 anos do samba italiano

Adoniran.jpg O responsável por esse verdadeiro sincretismo cultural, nasceu em Valinhos, interior de São Paulo, no dia 06 de agosto de 1910 e foi chamado de João Rubinato.

Para quem não reconheceu o protagonista pela foto acima, o anônimo João também atendia por Adoniran Barbosa, um dos maiores compositores brasileiros de todos os tempos.

Este filho de imigrantes italianos, compositor e humorista, criava personagens para si quando apresentava programas de rádio e, nessa época, Adoniran Barbosa foi uma dessas "personas" que, dada sua grande aceitação pelo público, acabou por se confundir com o próprio criador.

João, ou Adoniran, foi um daqueles brasileiros imprescindíveis vez que sua obra ajudou a construir a própria identidade cultural do nosso país e certamente escreveu boa parte da história de São Paulo.

Por mais que os gostos musicais das novas gerações sejam dos mais variados e muito de nossa cultura musical seja esquecida dada a preferência dos jovens por produções artísticas estrangeiras, é simplesmente impossível que até mesmo os mais novos não conheçam ao menos uma das composições de Adoniran.

"Saudosa Maloca" de 1951, "Samba do Arnesto" de 1953, "Tiro ao Álvaro" de 1960 e "Trem das Onze" de 1964 são apenas alguns exemplos de composições imortais desse verdadeiro marco histórico brasileiro.

Há 27 anos o Brasil perdia esse gênio, mais precisamente em 23 de novembro de 1982 mas sua obra permanece viva até hoje imortalizando o seu criador.

Vejam abaixo brilhante encontro de Adoniran com Elis Regina e um pouco da obra desse brasileiro incrível:

Aos corinthianos, cujo clube de coração também completa 100 anos em 2010, segue uma grande homenagem de Adoniran, que aproveita para descrever um pouco do berço dos paulistanos:

About this Entry

This page contains a single entry by Brasileiro published on January 15, 2010 1:00 AM.

UIGEA - A LEI QUE ABALOU O POKER ONLINE - PARTE 2 was the previous entry in this blog.

Poker solidário is the next entry in this blog.

Find recent content on the main index or look in the archives to find all content.